Anadia/AL

13 de julho de 2024

Anadia/AL, 13 de julho de 2024

Netanyahu, que matou quase 30 mil e feriu 70 mil, diz que Lula “deveria ter vergonha de si mesmo”

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 18 de fevereiro de 2024

vv2

Uol

O primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu voltou a insultar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que tem sido uma das vozes mais corajosas do mundo em defesa da paz mundial. “Hoje, o presidente do Brasil, comparou a guerra de Israel em Gaza contra o Hamas – uma organização terrorista e genocida – ao Holocausto. O presidente Silva desonrou a memória de 6 milhões de judeus assassinados pelos nazistas. E demonizou o estado judeu como o antissemita mais virulento. Ele deveria ter vergonha de si mesmo”, afirmou Netanyahu.

Desde o início do genocídio, Netanyahu já assassinou quase 30 mil palestinos, sobretudo mulheres e crianças, feriu 70 mil, deslocou 1,5 milhão de pessoas, destruiu suas casas e defendeu a ocupação de seus territórios. Lula, em toda a sua trajetória política, sempre defendeu a igualdade social e jamais cometeu atos de violência.

*Redação com Brasil 247

Galeria de Imagens