Anadia/AL

22 de junho de 2024

Anadia/AL, 22 de junho de 2024

Pesquisa confirma: brasileiro come mais carne depois da volta de Lula ao poder

Em 2023, a indústria de carne processada no Brasil cresceu 13,2%, alcançando R$ 11,44 bilhões, enquanto globalmente o crescimento foi de 6,5%.

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 27 de maio de 2024

Brasil 6

Luiz Inácio Lula da Silva (Foto: Agência Brasil

 Desde o retorno de Lula à presidência em janeiro de 2023, a carne voltou a ocupar um lugar central na dieta dos brasileiros. Uma pesquisa exclusiva do The Good Food Institute (GFI) Brasil, obtida pelo Valor, revela que 56% dos entrevistados consumiram proteína bovina duas ou mais vezes por semana no último ano, um aumento significativo em relação aos 47% de 2022. Paralelamente, 39% dos entrevistados também relataram ter consumido proteínas vegetais ocasionalmente em 2023.

Os frigoríficos estão atentos a essa diversidade nas preferências alimentares e vêm expandindo suas estratégias de marketing para incluir produtos ‘plant-based’. Camila Lupetti, especialista de dados do GFI, observa que “no Brasil, o consumo é guiado principalmente pelo preço e pelos benefícios à saúde, enquanto na Europa, o impacto ambiental tem maior peso nas escolhas”.

A pesquisa, que entrevistou mais de 2 mil brasileiros das classes A, B e C, também encontrou suporte nos dados da Euromonitor International. Em 2023, a indústria de carne processada no Brasil cresceu 13,2%, alcançando R$ 11,44 bilhões, enquanto globalmente o crescimento foi de 6,5%, atingindo US$ 201,22 bilhões. No mesmo período, o mercado de substitutos vegetais no Brasil aumentou 38,1%, para R$ 1,13 bilhão, e globalmente cresceu 10,2%, atingindo US$ 6,36 bilhões.

Redação com Brasil 247

Galeria de Imagens