Anadia/AL

14 de junho de 2024

Anadia/AL, 14 de junho de 2024

PGR denuncia Zambelli e hacker Delgatti por invasão aos sistemas no CNJ

Em janeiro de 2023, Delgatti inseriu documentos falsos no sistema do órgão, como um mandado de prisão contra Alexandre de Moraes. Zambelli foi denunciada como mandante do crime | 13: 43 hs

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 23 de abril de 2024

vv1

Foto: Reprodução/Twitter

O procurador-geral da República, Paulo Gonet, apresentou uma denúncia contra a deputada federal bolsonarista Carla Zambeli (PL-SP) e o hacker Walter Delgatti Neto no contexto da investigação da invasão do sistema do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Zambeli foi denunciada como mandante do crime, informa Julia Duailibi, do g1.

“A denúncia é pela prática de 10 crimes: 7 crimes do artigo 154-A e par. 2 do CP (invasão de dispositivo informático); 3 crimes do artigo 299 do CP (falsidade ideológica), por terem inserido documentos ideologicamente falsos no sistema informático”, diz a reportagem.

Segundo a Polícia Federal, a invasão do site do CNJ ocorreu em novembro de 2022. Em 4 de janeiro de 2023, Delgatti inseriu documentos falsos no sistema do órgão, como um mandado de prisão contra o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes, assinado pelo próprio magistrado.

De acordo com o hacker, Zambeli redigiu o falso mandado – a parlamentar nega. Também foi inserido no sistema um mandado falso de quebra de sigilo das contas bancárias do ministro.

*Redação com Brasil 247

Galeria de Imagens