Anadia/AL

13 de junho de 2024

Anadia/AL, 13 de junho de 2024

Polícia indicia Jair Renan Bolsonaro por suspeita de fraudes em documentos

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 15 de fevereiro de 2024

vv2

(Foto: Alan Santos/PR)

De acordo com as investigações, os dois falsificaram quatro relações de faturamento da empresa RB Eventos e Mídia, à época pertencente a Jair Renan. O objetivo era apontar um faturamento de R$ 4,6 milhões que nunca existiu na empresa. O valor era referente ao período de um ano (2021/2022).

Com números falsos, Jair Renan e Maciel Alves buscavam um empréstimo bancário. “Não há dúvidas de que as duas declarações de faturamento apresentadas ao banco são falsas, por diversos aspectos, tanto material, em razão das falsas assinaturas do Técnico em Contabilidade […], que foi reinquirido e negou veementemente ter feito as rubricas, quanto ideológico, na medida em que o representante legal da empresa RB Eventos e Mídia fez inserir nos documentos particulares informações inverídicas consistentes nos falaciosos faturamentos anuais”, afirmou a polícia.
*Redação com Brasil 247
🇧🇷 Compartilhe Nossas Notícias ✨

Galeria de Imagens