Anadia/AL

25 de maio de 2024

Anadia/AL, 25 de maio de 2024

Polícia investiga morte de militar da Marinha que teria se afogado em clube de Mesquita

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 21 de janeiro de 2024

MARINHEIRO

Giovani Lima da Silva era sargento da Marinha | Foto: Reprodução

A Polícia Civil investiga a morte de um militar da Marinha ocorrida após a vítima se afogar dentro de uma piscina do Tênis Clube de Mesquita, na Baixada Fluminense, no dia 10 de janeiro. Giovani Lima da Silva, de 30 anos, não teria sido socorrido por salva-vidas do local.

De acordo com familiares, o sargento passou mal e ficou ao menos dez minutos debaixo d’água até ser retirado por um segurança do clube. A vítima foi levada de ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Edson Passos, ainda em Mesquita, mas deu entrada já sem vida.
Publicidade
A vítima teria passado mal devido a um infarto no miocárdio, mas a morte teria acontecido devido a asfixia por afogamento.

Giovani costumava usar o clube para realizar treinamentos de mergulho livre com apneia, que consiste em ficar embaixo d’água apenas com o ar do pulmão. Ele havia sido aprovado no curso se mergulhadores de combate da Marinha e treinava para fazer o Teste de Aptidão Física (TAF) em março deste ano.

Segundo a Polícia Civil, o caso foi registrado na 53ª DP (Mesquita). A instituição informou que a perícia foi realizada no local e os agentes aguardam o resultado do laudo do Instituto Médico Legal (IML). A investigação segue em andamento para apurar as circunstâncias da morte.

✨ Redação com O DIA

Galeria de Imagens