Anadia/AL

22 de maio de 2024

Anadia/AL, 22 de maio de 2024

Prêmio de Jornalismo Científico segue com inscrições abertas até 31 de janeiro

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 4 de janeiro de 2024

premio-de-jornalismo-cientifico-segue-com-inscricoes-abertas-ate-31-de-janeiro

Presidente do Sindjornal Alexandre Lino fala sobre Prêmio de Jornalismo Científico José Marques de Melo as Premiações em sete categorias que chegam a R$ 90 mil | Foto: Ascom SECTI

✨ Valdenys Virtuoso / Ascom Secti

O Prêmio de Jornalismo Científico José Marques de Melo, promovido pela Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa de Alagoas (Fapeal), está com inscrições abertas até 31 de janeiro. Profissionais e estudantes de Jornalismo em Alagoas, podem submeter suas matérias em sete categorias distintas, concorrendo a prêmios que chegam a R$ 90 mil. As inscrições podem ser feitas pelo site: https://premiojornalismocientifico.al.gov.br/.

O Edital recebe trabalhos publicados entre 1º de janeiro de 2023 a 31 de janeiro de 2024, incentivando comunicadores em formação e profissionais a explorar temas que ressaltem a importância da ciência, tecnologia e inovação (CT&I) em Alagoas, com foco nas contribuições dos pesquisadores locais.

O Prêmio visa conscientizar e informar a sociedade sobre a relevância do conhecimento científico, tecnológico e inovador nos âmbitos sociais, econômicos e políticos. Os vencedores, em sete categorias, serão premiados com dinheiro, certificados e troféus, reconhecendo as contribuições destacadas na promoção da ciência e tecnologia em Alagoas.

São elas: Videorreportagem, Impresso, Portal e Blog, Fotojornalismo, Rádio e Podcast, Reportagem Cinematográfica, Estudante, e uma Categoria Especial – Soluções Inovadoras, que oferece a maior premiação em dinheiro, variando de R$ 9 mil a R$ 5 mil.

Uma comissão composta por profissionais das áreas de ciência, tecnologia e inovação, jornalismo científico, e representantes da comunidade acadêmica, indicados pela Secti e pela Fapeal, será responsável pela análise de todos os trabalhos. A avaliação se pautará em critérios como registro de fatos, acontecimentos, processos, discussões, denúncias, soluções e/ou resultados de pesquisas sobre os temas mais relevantes em Alagoas, de maneira clara, objetiva e imparcial.

Estudantes matriculados em cursos de Jornalismo de instituições de ensino superior regularizadas pelo Ministério da Educação podem concorrer com até dois trabalhos, apresentando a declaração de matrícula e frequência na inscrição, com prêmios de R$ 3 mil, R$ 2 mil e R$ 1 mil para os três primeiros colocados. Já os jornalistas profissionais podem submeter até 3 trabalhos, podendo incluir coautores, com premiações variando de R$ 7 mil a R$ 3 mil, dependendo da categoria e classificação.

O Prêmio de Jornalismo Científico José Marques de Melo conta com o apoio da Secretaria de Estado da Comunicação (Secom) e do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de Alagoas (Sindjornal). A cerimônia de premiação está programada para ocorrer em março.

✨ Redação com Agência Alagoas

🇧🇷 Acesse as Notícias do Portal ABN✨
🇧🇷 Grupo, Instagram & Facebook✨
🇧🇷 Curta & Compartilhe✨

Galeria de Imagens