Anadia/AL

22 de junho de 2024

Anadia/AL, 22 de junho de 2024

RS: Defesa Civil pede evacuação imediata de Pelotas e outras cidades

A decisão no RS baseia-se na projeção de que o nível de água da Lagoa dos Patos chegará a 2,6 metros ainda nesta sexta-feira (10/5).

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 10 de maio de 2024

Brasil 1

Foto: Reprodução

Por Nicole Diniz

As cidades de São Lourenço do Sul, Pelotas, Rio Grande, na região do sul do Rio Grande do Sul (RS), encontram-se em estado de alerta máximo desde quarta-feira (8/5), quando houve uma mudança na direção dos ventos. A Defesa Civil pediu a evacuação imediata da área.

O alerta é baseado na projeção de que, ainda nesta sexta-feira (10/5), o nível da Lagoa dos Patos chegará a 2,6 metros. Entretanto, a prefeita de Pelotas, Paula Mascarenhas (PSDB), afirmou que a medição do nível da água deixará de ser divulgada, pois o nível da régua pode cair e gerar falsa impressão de baixa.

No último boletim, divulgado às 11h desta sexta-feira (10/5), a Lagoa dos Patos chegou a 2,20 metros, nível que representa 1,4 metro acima do normal.

O nível do São Gonçalo continuará sendo divulgado.

Em Laranjal, as equipes da Fundação Estadual de Proteção Animal (Fepam) e da Secretaria do Meio Ambiente (Sema) continuam realizando resgates dos animais que foram deixados para trás.

“As equipes estão saindo para fazer os resgates. Estamos indo de camionetes altas; onde não dá, vamos de barcos. Em pouco tempo que estive ali, tivemos vários relatos. Há pelo menos 20 cachorros e gatos para resgatar”, diz o servidor da Fepam Maurício Sangiogo.

Números da tragédia no RS

O número de mortos e desaparecidos em decorrência das chuvas fortes que assolaram o Rio Grande do Sul subiu, nesta sexta-feira (10/5), para 116. Há também 143 desaparecidos e 756 feridos.

De acordo com boletim da Defesa Civil, quase 2 milhões foram afetados pelas chuvas em 437 municípios gaúchos. Desses, 337 mil estão desalojados e cerca de 70 mil encontram-se em abrigos públicos.

Até o momento, 70.863 pessoas e 9.984 animais foram resgatados nas cidades do estado. Participam das ações de apoio e resgate na região 27 mil profissionais, 3.466 viaturas, 340 embarcações e 41 aeronaves.

Redação Com Metrópoles

Galeria de Imagens