Anadia/AL

16 de junho de 2024

Anadia/AL, 16 de junho de 2024

Saúde do rei Charles III piora e roteiro de funeral é atualizado, diz site

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 26 de abril de 2024

açpl

Reprodução/Instagram/@theroyalfamily

O rei Charles III, de 75 anos de idade, que está em tratamento contra um câncer, segundo informações do site The Daily Beast, tem tido uma piora significativa em seu estado de saúde. Vale lembrar que o monarca revelou que foi diagnosticado com câncer de próstata.

Ainda de acordo com o Daily Beast, uma fonte próxima da família real britânica afirma que a saúde do rei é preocupante e que, por conta disso, os detalhes envolvendo o funeral de Charles III têm sido atualizados com frequência.

A fonte diz que o roteiro, que conta com centenas de páginas, começou a ser preparado um dia após o funeral da rainha Elizabeth II, mãe de Charles, que morreu aos 96 anos no dia 8 de setembro de 2022.

Charles segue distante dos holofotes desde que anunciou o câncer publicamente, assim como sua nora Kate Middleton, esposa do príncipe William, que também está em tratamento contra a doença, mas sem revelar o local ou tipo de câncer.

“É claro que ele está determinado a vencer a doença e eles estão apostando tudo nisso. Todos continuam otimistas, mas ele está realmente muito mal, mais do que estão deixando transparecer”, disse uma fonte próxima ao Daily Beast.

O dossiê de detalhes que envolvem o funeral de Charles III é intitulado Operação Ponte Menai, seguindo a tradição de batizar os planos funerários com pontes: o de Elizabeth II, por exemplo, ganhou o nome Operação Ponte de Londres. No caso de Charles III, a Ponte Menai é uma ponte suspensa que liga a ilha de Anglesey ao continente galês.

“Os planos foram revisados e estão sendo atualizados constantemente”, diz a fonte, que garante que todos os detalhes têm sido repassados para que nenhum imprevisto aconteça e seja ainda mais organizado e seguro que o da mãe.

O Daily Beast diz, ainda, que falaram com oficiais militares que confirmaram a atualização frequente do dossiê Operação Menai Bridge, mas enfatizaram que se trata de um procedimento padrão e que “seria absurdo interpretar qualquer outra coisa a partir disso”.

“É claro que eles estão analisando todos os aspectos do Ponte Menai. O funeral da rainha funcionou como um relógio e estabeleceu um padrão elevado. Não é uma coisa emocional, é um trabalho levado muito a sério e é absolutamente compreensível que ninguém planeja ser pego de surpresa”, disse ao Daily Beast um funcionário envolvido no planejamento de funerais da realeza.

“Você precisa de uma operação de segurança gigante, porque todas as pessoas mais importantes do planeta estarão lá. Estamos falando de todo um aparato, desde defesa antimísseis até proteção contra um ataque isolado. E como qualquer morte pode acontecer de repente, cada detalhe ser meticulosamente planejado com antecedência”, ainda disse uma fonte.

O Daily Beast e Page Six tentaram entrar em contato com funcionários do rei Charles III para comentar o assunto, mas não tiveram resposta até a última atualização deste texto.

Fonte: TNH1

Galeria de Imagens