Anadia/AL

20 de junho de 2024

Anadia/AL, 20 de junho de 2024

Suspeito do crime: dono de carro usado no homicídio de “Cremosinho” é ouvido pela polícia

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 4 de junho de 2024

frt

"Cremosinho" foi assassinado no Benedito Bentes no dia 2 de junho | Arquivo Pessoal

Um dos suspeitos de envolvimento no assassinato do jovem Luciano Araújo da Silva, 22, vulgo “Cremosinho”, se apresentou na sede da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), em Maceió, nesta terça-feira (4) e prestou depoimento à Polícia Civil acompanhado de um advogado. Ele admitiu que é o dono do carro Renault Sandero apreendido por policiais próximo ao local do crime, mas negou a participação no homicídio.

“Um dos suspeitos já está sendo interrogado, negou o envolvimento, mas há indícios do envolvimento dele, visto que o veículo dele foi abandonado nas imediações. O veículo é registrado no nome dele, a CNH e o celular dele estavam no interior do veículo. Testemunhas disseram que foram quatro autores materiais que praticaram o homicídio e desceram deste veículo. o carro já foi apreendido e trazido para o pátio da DHPP”, disse a delegada Tacyane Ribeiro, em entrevista ao programa Fique Alerta, da TV Pajuçara.

“Ele está sendo ouvido na presença de um advogado. Negou o envolvimento, negou que conhecia a vítima, e alegou que estava nas imediações do crime ingerindo bebida alcoolica sozinho. O celular dele foi apreendido para perícia e a missão da polícia agora é identificar os outros três autores materiais, e eventualmente, o autor intelectual. A linha de investigação da questão da causa trabalhista também está sendo averiguada, para saber se tem procedência ou não”, acrescentou Ribeiro.

A delegada também destacou que, mesmo o suspeito alegando que não conhecia “Cremosinho”, os dois trabalhavam no ramo de construção civil, o que levanta mais uma suspeita. “O fato curioso é que esse suspeito trabalha fazendo Uber e também na construção civil, este último era justamente o trabalho da vítima. O Cremosinho trabalhava como pintor no ramo da construção civil”, enfatizou.

Sobre a linha de investigação de desavença causada por cobrança de direitos trabalhistas, a delegada explicou que há áudios e vídeos com tom de ameaças, que teriam sido enviados pelo ex-chefe de “Cremosinho”, mas que os arquivos de mídia vão ser periciados. “Há alguns áudios e vídeos nesse sentido. A gente vai dar atenção especial, assim como outros casos, a esse homicídio. Mas tem, sim, esses áudios e vídeos, e vamos checar se eles são verdadeiros”.

Cremosinho era conhecido nas redes sociais por vídeos engraçados (Crédito: Arquivo Pessoal)

Ribeiro destacou que nem o suspeito e nem a vítima possuem antecedentes criminais. “A equipe agora vai tentar identificar os outros três possíveis autores materiais, e continuar com os depoimentos de testemunhas, de familiares, e fazer a análise dos celulares tanto da vítima como do suspeito ouvido hoje. Também vamos coletar imagens de câmeras nas imediações do crime e vamos juntar os laudos periciais”.

Os familiares de “Cremosinho” também estiveram na delegacia de Chã de Bebedouro nesta terça para serem ouvidos. Os depoimentos deles também vão ser anexados no inquérito policial. O caso segue em investigação e nenhum suspeito foi preso até o momento.

O caso

A morte do pintor e pedreiro Luciano Araújo da Silva, 22 anos, conhecido como “Cremosinho”, está sendo investigada pela Polícia Civil de Alagoas desde p último domingo (2), data do homicídio. Ele foi baleado enquanto passava pela Rua Novo Horizonte, no bairro Benedito Bentes, a caminho da casa da mãe. Quatro pessoas são suspeitas de executá-lo.

A equipe do 5º Batalhão da Polícia Militar atendeu o homicídio e destacou que o carro Renault Sandero, de cor prata, usado pelos criminosos, foi abandonado durante a fuga. A suspeita foi de que o veículo atolou e os assassinos escaparam a pé. O automóvel ficou sob responsabilidade da Delegacia de Homicídios para o procedimento de perícia.

Fonte: TNH1

Galeria de Imagens