Anadia/AL

13 de julho de 2024

Anadia/AL, 13 de julho de 2024

Suspeitos de atentado no Pilar trocam tiros com a PM e fogem por mata; armas e drogas são apreendidas

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 27 de fevereiro de 2024

FSS

Reprodução

A Polícia Militar trocou tiros com os suspeitos de envolvimento no atentado no município de Pilar nessa segunda-feira, 26. Os supostos integrantes da organização criminosa que trafica drogas na região foram surpreendidos pela equipe de militares do Batalhão de Rotam na última noite, mas conseguiram escapar por uma mata. Uma quantidade de entorpecentes, armas de fogo e outros materiais usados para crimes foi apreendida.

De acordo com a PM, após conversa com duas vítimas baleadas, que estavam em atendimento na UPA do Tabuleiro, duas equipes foram enviadas para a região de Imburi, conhecida como um dos pontos do tráfico de drogas no Pilar. Os feridos contaram que os suspeitos do atentado poderiam estar escondidos no local.

Os policiais informaram que foram recebidos com tiros e houve o revide. Durante o tiroteio, os militares iniciaram a tentativa de aproximação, para cercar os criminosos, porém eles conseguiram entrar em uma mata e não foram mais encontrados.

A polícia destacou que os suspeitos deixaram cair armas e acessórios pelo caminho. Foram apreendidos dois revólveres de calibre 38, seis estojos, deflagrados, e cinco cartuchos, sendo três intactos. Eles também perderam 107 g de maconha e 7 g de cocaína que ficaram pelo caminho.

Os materiais apreendidos foram apresentados na delegacia para os procedimentos cabíveis. Os suspeitos do atentado ainda não foram identificados e seguem com o paradeiro desconhecido.

Entenda 

Quem passou pela Avenida Durval de Góes Monteiro, no bairro Tabuleiro do Martins, pode ter se deparado com um carro crivado de balas entre a tarde e a noite dessa segunda-feira, 26. O veículo de modelo Corsa, e de cor branca, foi encontrado por policiais militares após denúncia de que ele havia sido abandonado às margens da pista. Muitos curiosos perguntaram: o que aconteceu?

A Polícia Militar descobriu que o Corsa foi usado por três pessoas para a ida ao município de Pilar, no bairro Centro, para a compra de uma arma de fogo. Porém, elas foram surpreendidas por três indivíduos armados, numa motocicleta, e o atentado deixou marcas no automóvel.

Ainda segundo a PM, um dos ocupantes do carro foi baleado e ficou caído no local. Já os outros dois, um homem e uma mulher, também feridos por tiros, conseguiram escapar e saíram com o carro na direção de Maceió. O que essas duas vítimas em fuga não esperavam era o veículo “deixá-los na mão”. Após a gasolina acabar, o Corsa parou na Durval de Góes, uma das vias mais movimentadas da capital, e os feridos foram obrigados a descer e pedir ajuda. Eles conseguiram parar uma ambulância e foram resgatados.

Fonte: TNH1

Galeria de Imagens